Jackpot Fishing

PUBLICIDADE
Logo do Santos

Santos

Favoritar Time

Jackpot Fishing - Santos terá calendário facilitado em 2024 com maioria dos jogos em São Paulo; veja

Sem contar a segunda fase do Paulistão, time da Vila Belmiro disputará apenas 50 jogos no ano; desse total, 74% será em casa ou no estado de São Paulo

5 jan2024 - 09h40
(atualizado às 09h40)
Compartilhar
Exibir comentários

OSantos terá em 2024 um ano cheio de mudanças. O inédito rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro fez o time da Vila Belmiro ligar o sinal de alerta. Mudanças precisavam ser feitas. Sem torneios internacionais e a Copa do Brasil para disputar na próxima temporada, a equipe praiana revê seu planejamento e conta com calendário favorável para ter bom desempenho no Paulistão e voltar à elite do futebol nacional.

Se por um lado novos desafios surgem na vida dos santistas, por outro, o calendário de compromissos está bastante benéfico. Na contramão de diversos clubes que entopem sua agenda com jogos um atrás do outro, o Santos terá apenas 50 partidas para serem disputadas em 2024 (sem contar a segunda fase do Paulistão, caso o time se classifique). No Estadual, serão 12 jogos na primeira fase, além dos 38 compromissos pela Série B.

Os números começam a ficar ainda mais interessantes quando o clube começa a colocar os números no mapa. Dos 50 jogos previstos para 2024, 37 deles serão realizados no estado de São Paulo. Ou seja, 74% das partidas santistas neste ano ou serão na Vila Belmiro, ou em locais próximos, sem precisar de longas e cansativas viagens de ônibus e avião.

Para o Paulistão, o Santos tem os seguintes compromissos: Botafogo-SP (fora, 20/01), Ponte Preta (em casa, 25/01), Palmeiras (fora, 28/01), Água Santa (fora, 31/01), Guarani (em casa, 04/02), Corinthians (em casa, 07/02), Mirassol (fora, 11/02), São Paulo (fora, 14/02), Novorizontino (em casa, 18/02), São Bernardo (em casa, 24/02), Red Bull Bragantino (fora, 03/03), Inter de Limeira (em casa, 10/03).

A conta para a Série B é a seguinte: são 38 jogos no total; 19 em casa, e Botafogo-SP, Guarani, Ituano, Mirassol, Novorizontino e Ponte Preta fora. Totalizando 25 jogos no estado de São Paulo.

Pensando no melhor aproveitamento possível, o presidente Marcelo Teixeira vem anunciando uma série de mudanças no elenco do Santos. Ele aposta na experiência para reconquistar o prestígio do time. O comandante será novamente Fábio Carille, que comandou o clube em 2021 e 2022, e o pacote é composto por: Giuliano (33 anos), Diego Pituca (31 anos), Willian Bigode (37 anos), Cazares (31 anos), Jorge (27 anos), Aderlan (33 anos), Otero (31 anos), Marcelinho (21 anos), João Schmidt (30 anos), Hayner (28 anos), Gil (36 anos) e Tomás Rincón (já no elenco, 35 anos).

Por que o Santos não vai disputar a Copa do Brasil?

O Santos FC não vai disputar a Copa do Brasil em 2024 devido a sua performance no Paulistão e no Brasileirão. O time da Vila Belmiro teve uma campanha ruim no Paulistão no início da temporada, terminando na 11ª colocação, e também não obteve sucesso no Brasileirão, caindo para a segunda divisão.

Com a mudança imposta pela CBF no regulamento da Copa do Brasil, as competições estaduais se tornaram fundamentais para o preenchimento de vagas. No Paulistão, por exemplo, os cinco times com melhores desempenho (Palmeiras, Água Santa, Red Bull Bragantino, Ituano e São Bernardo) garantiram presença no torneio nacional.

Além disso, o fato de Palmeiras e Red Bull Bragantino ficarem no G-6 do último Brasileirão abriram mais duas vagas para o estado de São Paulo, para Corinthians e Botafogo de Ribeirão Preto, que estiveram no mata-mata do último Paulistão.

A Portuguesa Santista, campeã da Copa Paulista, assegurou a última vaga. Portanto, o Santos não encontrou meios de se garantir na segunda competição mais importante no calendário do futebol brasileiro em 2024.

Estadão
Compartilhar
Publicidade
Publicidade
Jackpot Fishing Mapa do site

1234