Jackpot Fishing

Jackpot Fishing - Homem morre carbonizado ao tentar resgatar cão de amigo durante incêndio no Havaí

Corpo de Franklin Trejos foi achado sobre o animal, dentro de carro carbonizado

17 ago2023 - 15h28
(atualizado em 18/8/2023 às 08h03)
Franklin Trejos e Sam, o cão que tentou salvar das chamas no Havaí
Franklin Trejos e Sam, o cão que tentou salvar das chamas no Havaí
Foto: Reprodução/Shannon Weber-Bogar

Um morador de Lahaina, no Havaí, morreu ao tentar salvar o cachorro de um amigo durante incêndio na cidade, que foi devastada pelas chamas na semana passada. Franklin Trejos, que nasceu na Costa Rica, mas vivia na região, tentou salvar o cachorro de Geoff Bogar, seu amigo de mais de 35 anos.

Segundo o jornal Daily Mirror, Franklin e Geoff, que é um ex-capitão bombeiro, ofereceram ajuda a outras pessoas durante o incêndio. No entanto, vendo que não conseguiriam mais ajudar, eles tentaram fugir nos seus carros, no dia 7 de agosto.

Publicidade

O carro de Geoff falhou ao dar a partida e ele teve que escapar quebrando uma janela e, arrastando-se pelo chão, acabou sendo resgatado por uma patrulha policial que passava. Franklin, infelizmente, não teve tanta sorte.

O ex-capitão voltou ao local no dia seguinte, quando fez uma descoberta comovente. Ele encontrou o corpo do amigo no banco de trás do seu carro, deitado em cima de Sam, seu golden retriever de 3 anos, que ele tentou proteger do fogo. Provavelmente, Franklin viu o que havia acontecido com o carro do amigo e entrou no veículo para tentar resgatar o animal. Não teve tempo de sair, entretanto.

O falecido era muito próximo de Geoff e da sua esposa, Shannon Weber-Bogar, que sofre convulsões e de quem ele cuidava quando o amigo estava fora a trabalho.

A casa dos Bogar foi completamente destruída. Ao jornal, Shannon disse não ter ideia de onde ela e o marido vão morar agora, mas afirmou que não será a mesma sem Franklin, que trabalhava para Geoff há mais de 30 anos.

Publicidade

"É estranho acordar sem ele", disse ela, acrescentando que os seus dois filhos cresceram se referindo ao costarriquenho como tio Frank. "Não há como dizer o cara legal que ele era", concluiu.

O número de mortos nos incêndios já superou a marca de 100. Há centenas de desaparecidos. Lahaina, com uma população de mais de 13 mil habitantes, foi reduzida a cinzas.

Fonte: Redação Jackpot Fishing
Curtiu? Fique por dentro das principais notícias através do nosso ZAP
Inscreva-se
Jackpot Fishing Mapa do site

1234